LiteromaQuia ::: textos de Pablo Antunes é o blog que reúne alguns dos meus textos, principalmente narrativas breves e poemas.

Acompanhe LiteromaQuia também no Facebook

+

+
Acompanhe a fanpage do livro "De Pernas Abertas" no Facebook

+

+
Acompanhe a fanpage do livro "Contos Perigosos" no Facebook

sexta-feira, 19 de maio de 2017

5ª Pizza Literária em São Francisco de Paula

Neste sábado, 20/05, participarei da Feira do Livro do Colégio Expressão e da 5ª Pizza Literária, ao lado dos escritores Júlia Dantas e Henrique Scheneider, na Boutique de Pizzas Viale, em São Francisco de Paula/RS.


Um evento para quem gosta de sabores e saberes.
Compareçam.

Um abraço,
Pablo Antunes.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

TerŞarau de 16 de maio

Nesta terça-feira, 16/05, realizamos a edição do TerŞarau que abordou o tema "Ilusões" com interpretações do escritor Pablo Antunes e da artista plástica Giovana Vazatta.

No restaurante-café Josephina, em Gramado/RS, mais uma vez fomos muito bem acolhidos na casa gramadense do TerŞarau, onde tratamos do tema a partir dos enfoques das artes, da filosofia, da psicologia, da psicanálise, entre outros saberes.


Agradecemos a todo o público presente nessa noite tão especial para prestigiar o evento, especialmente ao Clube de Leitura da livraria Manas de Igrejinha/RS, que nos cedeu a maioria das fotografias registradas nessa noite.


Os poemas e textos recitados e declamados foram os seguintes:
“Vida ilusória” de Henry David Thoreau 
“A ilusão do imigrante” de Carlos Drummond de Andrade
“Conta a lenda que dormia” de Fernando Pessoa
“Quem sou eu além daquele que fui?” de Christian Gurtner
“A Parada da Ilusão” de João do Rio.
“Perdi os meus fantásticos Castelos” de Florbela Espanca.
“Ilusão Perdida” de Pablo Neruda.
Trecho de “Os dragões não conhecem o paraíso” de Caio Fernando Abreu

Também foram apresentadas reproduções das obras "Isto não é um cachimbo" e "Tentando o impossível" do artista plástico René Magritte.

O próximo TerŞarau será realizado na terceira terça-feira de junho, dia 20 às 19h30, mais uma vez no Josephina (Rua Pedro Benetti, 22, Gramado/RS).

Acompanhe a fanpage do TerŞarau em https://facebook.com/tersarau para sempre ser informado a respeito dos temas a serem abordados, das próximas edições e como adquirir o seu ingresso.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

TerŞarau de 20 de abril

Nesta terça-feira, 18/04, realizamos a primeira edição do TerŞarau em 2017. Para abordar o tema "Mudanças", o próprio TerŞarau apresentou as suas: agora, o escritor Pablo Antunes divide a apresentação e a declamação dos textos com a artista plástica Giovana Vazatta, que traz o seu conhecimento a respeito da História da arte para aprimorar o evento. Outra grande novidade deste ano é que fomos muito bem recebidos por toda a equipe do restaurante-café Josephina, que se tornou a sede gramadense do TerŞarau.



A partir de agora, o TerŞarau será apresentado em edições alternadas entre Canela e Gramado, levando mais literatura em versos e prosa para as duas cidades da Região das Hortênsias.

Agradecemos ao público presente nessa noite tão especial no Josephina para prestigiar o evento.



Os poemas e textos recitados e declamados foram os seguintes:
“Mudança” de Carlos Drummond de Andrade
“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades” de Luís Vaz de Camões
“Se Perguntas Onde Fui” de Carlos Nejar
“Penso e passo” de Alice Ruiz
“A mudança” de Mario Quintana
“Mude” de Edson Marques
“Geração perdida” de Jonathan Reed
“O homem que contava histórias” de autoria anônima da tradição judaica
“Só de Sacanagem” de Elisa Lucinda
Trecho de “Eu sei, mas não devia” de Marina Colasanti
“Armado de Amor” de Thiago de Mello

O próximo TerŞarau será realizado em Canela em 16/05 na nova sede do Aroma Literário (Rua Visconde de Mauá, 641).

Acompanhe a fanpage do TerŞarau em https://facebook.com/tersarau para ver mais fotos e para sempre ser informado a respeito dos temas a serem abordados, das próximas edições e como adquirir o seu ingresso.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

TerŞarau de 20 de dezembro

Nesta terça-feira, 20/12, realizamos a última edição do TerSarau em 2016, na qual foi prestada uma homenagem a um dos maiores poetas brasileiros com o tema: "O centenário de Manoel de Barros".  

O escritor Pablo Antunes interpretou poemas do singular poeta mato-grossense, bem como textos em versos e prosa de autores que foram influenciados por seus versos oníricos e sinestésicos repletos de "desimportâncias e grandezas ínfimas".


De maneira especial, o TerSarau foi apresentado no dia seguinte à data em que se celebrou os 100 anos de Manoel de Barros, o poeta que dedicou à natureza, à visão de mundo infantil e à sensibilidade humana o melhor do seu lirismo com um reinventar constante da realidade

Mais uma vez, ao final do nosso sarau tivemos um aprazível momento em que conversamos a respeito da poesia e da abordagem única que Manoel de Barros empregou à realidade.

Agradeço aos interessados e presentes nessa noite especial no Aroma Literário para prestigiar o evento.


Os poemas e textos recitados e declamados foram os seguintes:
"O rio que fazia uma volta atrás de nossa casa" de Manoel de Barros
"Eu queria usar palavras de ave para escrever" de Manoel de Barros
"Eu tenho um ermo enorme dentro do olho" de Manoel de Barros
"Descobri aos 13 anos que o que me dava prazer" de Manoel de Barros
"XIV de Mundo de Pequeno" de Manoel de Barros
Trecho de "Com o vaqueiro Mariano" de João Guimarães Rosa
"VII de Uma didática da invenção" de Manoel de Barros
"Autorretrato Falado" de Manoel de Barros
Trecho de “Sobre dicionários e necrotérios” de Rubem Alves
"Despalavra" de Manoel de Barros
"Gorjeios" de Manoel de Barros
"Miudádivas, pensatempos" de Mia Couto
"O apanhador de desperdícios" de Manoel de Barros
"O fazedor de amanhecer" de Manoel de Barros
"Retrato do artista quando coisa" de Manoel de Barros
"À manoelês" de Pablo Antunes
"O menino que carregava água na peneira" de Manoel de Barros

Acompanhe a fanpage do TerSarau em https://facebook.com/tersarau para ver mais fotos e para ser informado a respeito das próximas edições em 2017.